I

LEITORES DO TIANGUÁ AGORA!

SEJA UM REPÓRTER DO TIANGUÁ AGORA!

SEJA UM REPÓRTER DO TIANGUÁ AGORA!

CURTIR TIANGUÁ AGORA NO FACEBOOK!

TIANGUÁ AGORA - ÚLTIMAS NOTÍCIAS!!!

PLACAR DA RODADA!

Placares ao vivo oferecidos por www.futebol.com

CURTIR TIANGUÁ AGORA NO FACEBOOK!

TELEFONES IMPORTANTES!

TECNO FILMES DO BRASIL

GRUPO GEAN - ÓTICA GEAN E HOTEL GEAN

sexta-feira, 29 de agosto de 2014

ÔNIBUS ESCOLAR COLIDE COM D10 NA CE-187 SAÍDA DE TIANGUÁ PARA VIÇOSA DO CEARÁ

Às 07h15, de ontem, na CE-187 saída para Viçosa do Ceará os 2 veículos seguiam no mesmo sentido, e o veículo D10 que trafegava na frente e era conduzido por Genésio Cardoso Fontenele.

Ao chegar na entrada da rua do Estádio ao fazer a conversão a esquerda foi colhido por um ônibus escolar conduzido por Francisco de Assis Lima.

Primeiramente o Demutran chegou para sinalizar o local do acidente e acionou a PRE, que assumiu a ocorrência.

AUTOR:TIANGUÁ AGORA/COM FOTOS ENVIADAS POR SÁVIO FREIRE LEITOR DO BLOG VIA WHATSAPP

DESLIZAMENTO DE TERRA MATA 15 PESSOAS NA CHINA

Equipes de resgate retiram corpo de vítima de deslizamento de terra nesta quinta-feira (28) na China (Foto: Reuters)

Pelo menos 15 pessoas morreram e oito estão desaparecidas após um deslizamento de terra na China, informou a agência estatal Xinhua.

O balanço anterior registrava oito mortos e 17 desaparecidos.

Além disso, 22 pessoas ficaram feridas.

O deslizamento de terra atingiu uma aldeia perto da cidade de Fuquan, localizada na província de Guizhou, no sudoeste do país, de acordo com a agência de notícias.

Um total de 77 casas desabaram ou foram soterradas no desastre, informou a Xinhua, e chuvas torrenciais complicaram o trabalho das equipes resgate.

Guizhou, conhecida por sua topografia montanhosa e clima úmido, é uma das províncias mais pobres da China.

A mineração é uma das suas principais atividades econômicas, mas a erosão do solo está entre as piores na China, com 42% da província afetada, de acordo com uma pesquisa nacional oficial de 2009.

A província vizinha de Yunnan foi atingida por um terremoto de 6,1 graus de magnitude no início deste mês. A tragédia matou mais de 600 pessoas.

AUTOR: FRANCE PRESSE

CRIMINOSOS MONTAM BARRICADAS EM RUAS DE GUADALUPE, NO RIO DE JANEIRO

Imagens do Globocop, exibidas nesta sexta-feira (29) no Bom Dia Rio, mostram barricadas montadas por criminosos em ruas de Guadalupe, no Subúrbio do Rio. Nesta quinta (28), o telejornal denunciou a presença de criminosos armados que circulam livremente em ruas importantes na região.

Imagens gravadas por um cinegrafista amador (veja no vídeo abaixo) registraram um jovem que caminhava pela rua segurando uma pistola prateada. Pouco depois, na direção para onde ele apontava uma arma, passa um casal com um bebê no colo e outra criança.

“Ali em cima do morro, os bandidos andam de arma na mão para ir na padaria”, disse um morador que não quis se identificar.
O jovem que aparece nas imagens com a arma é o mesmo que, segundo moradores, está na foto mostrada na reportagem, armado e vestindo uma camisa rosa. Segundo a polícia, ele é apontado como o responsável pelo olheiros do tráfico na região, ou seja, criminosos que alertam os comparsas sobre a presença de policiais ou adversários que se aproximam. No mesmo vídeo, outros dois rapazes, que aparentemente são menores de idade, também exibem armas.

“Tem criança, moleque de 9 anos, com pistola na cintura”, contou outro morador, que preferiu não se identificar.

Outro vídeo feito por moradores revela que uma barricada foi montada na Rua Pedra Rasa, em Ricardo de Albuquerque, que fica a cerca de 2,5 km da Avenida Brasil. No meio da rua, latões com concreto, pneus, um botijão de gás e até um pedaço de um trilho de trem tentam impedir a passagem de policiais. A coleta de lixo, segundo moradores, foi dificultada com a ação dos suspeitos. A escola do bairro também sofreu restrições desde o domínio do poder paralelo.

“Eles invadiram e ficam dentro, fazem baile dentro do colégio. [Criminosos] tomaram, as crianças não puderam mais estudar”, disse o morador.

Nem a presença de quartéis do Exército e do Corpo de Bombeiros inibe o crime. "Eles nem respeitam a área militar. Assaltam ali, deixam carro, deixam corpos. Ali eles fazem o que eles querem. Já vi assalto, arrastão”, descreveu.

AUTOR: G1/RJ

ACIDENTE MATA TAXISTA E TRÂNSITO INTENSO NA LINHA AMARELA, NO RJ

Um grave acidente entre um caminhão-cegonha e um táxi na Linha Amarela, na altura do Engenho de Dentro, na pista sentido Centro do Rio, deixou um morto na via expressa no fim da madrugada desta sexta-feira (29). O taxista entrou na contramão e bateu de frente com o caminhão, como mostrou o Bom Dia Rio. O taxista, que ficou preso às ferragens, morreu na hora.

A batida ocorreu por volta das 4h30, deixando a frente do carro totalmente destruída. O motorista do caminhão teve ferimentos leves.

Em razão do acidente, o congestionamento na Linha Amarela já era grande por volta das 6h30. Até as 7h30, uma faixa da via ainda estava interditada no sentido Centro. O congestionamento começava depois da praça do pedágio e se estendia até a saída 5, na Abolição, perto do Norte Shopping neste horário. A melhor alternativa para os motoristas era acessar a Autoestrada Grajaú-Jacarepaguá.

AUTOR: G1/RJ

TRECHO DA BR-222 NOS DOIS SENTIDOS, SERÁ INTERDITADO PARA OBRAS

A BR-222/CE terá o tráfego interrompido entre o km 119 e o km 122, nesta sexta-feira (29), das 12h às 13h30, para o corte de rochas com a detonação de explosivos, segundo informou o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit).

O bloqueio ocorrerá nos dois sentidos, podendo ser estendido ou reduzido de acordo com o volume de material a ser removido sobre a rodovia após a detonação. Em caso de mau tempo ou questões técnicas, os trabalhos poderão ser cancelados e redefinidos para nova data, sendo novamente comunicados.

Os serviços de remoção de rochas fazem parte das Obras de Melhoramentos e Restauração/Reabilitação da BR-222/CE. No período das obras, os usuários devem estar atentos à sinalização de obras, obedecendo aos limites de velocidade indicados para cada segmento da rodovia. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) fará o monitoramento do tráfego.

AUTOR: CNEWS

MENINA É ATACADA POR HOMEM QUE SE ESCONDEU EM MATA PARA TENTAR ESTUPRÁ-LA, NA PARAÍBA

Polícia Militar Reprodução/ Governo do Estado

Uma adolescente de 14 anos teria sido atacada por um homem que estava escondido em uma mata e tentou estuprá-la, na noite dessa quarta-feira (27), na Zona Rural de Conceição, no Sertão da Paraíba, a 482 km de João Pessoa.

Segundo a polícia, o homem estva encapuzado. Ele estaria escondido às margens de uma estrada vicinal, dentro de uma mata, quando surpreendeu a vítima.

A garota andava acompanhada de outro adolescente, também de 14 anos, após os mesmos serem deixados pelo ônibus escolar a certa distância do destino. A polícia informou que o ônibus não realiza o trajeto completo devido às más condições da via.

Quando o suspeito agarrou a adolescente pelos cabelos e a jogou no chão, entrando em luta corporal, o amigo, segundo a PM, partiu para cima dele, no intuito de defendê-la. Na confusão, a menina conseguiu escapar do criminoso, que fugiu sem ser identificado. Ela teve apenas escoriações leves.

A polícia investiga o caso, de natureza até então inédita na região. O pai da garota foi aconselhado para que não a deixe percorrer o longo trajeto de volta para casa sem companhia.

AUTOR: PORTAL CORREIO

TRABALHADOR TEM BRAÇO DECEPADO POR GUINCHO, EM OBRA

FOTO: DIVULGAÇÃO/STICCRMF

O operador de guincho Rômulo César Alves de Melo foi vítima de um acidente de trabalho em um canteiro de obras da Harmony Empreendimentos, localizado na Rua Azevedo Bolão, no bairro Parquelândia, na última quarta-feira (27). O acidente aconteceu após um cabo de guincho se romper, decepando o braço do trabalhador.

Em regime de urgência, foi realizada uma cirurgia para reimplantar o braço do trabalhador. No momento, ele está internado na sala de recuperação no Instituto Dr. José Frota (IJF) e os médicos estão esperando a resposta do corpo após a operação.

Esse é o quinto acidente de trabalho em obras da construção civil em menos de 2 meses na capital. Ao todo, já foram 7 trabalhadores acidentados desde o começo do ano, 2 desses acidentes com vítimas fatais.

A Harmony Empreendimentos informou através do seu assessor de relações trabalhistas, Ramon Salgado Esteves, lamentar o acidente. Ramon destacou que o rápido atendimento da empresa em levar o operário ao hospital possibilitou a cirurgia de sucesso do paciente. "A empresa não possui passado de acidentes de trabalho, estamos apoiando a família em tudo. A Harmony é destacada no mercado pela sua auditoria em segurança de trabalho", registrou o assessor.

AUTOR: DN

DEPOIS DA AÇÃO DO MP, DEPUTADO QUER RECUAR

O deputado Lula Morais conversa com o seu colega João Jaime, durante a sessão da última terça-feira, no grupo em que estão os deputados Tin Gomes e Ely Aguiar, momentos após o seu aparte a Fernando Hugo FOTO: JOSÉ LEOMAR

Deputados estaduais cearenses que fizeram denúncias sobre a compra de votos na disputa eleitoral no Ceará estão querendo voltar atrás em seus posicionamentos e afirmaram ter dito, no plenário da Assembleia, o que souberam através de boataria nas ruas. A acusação com maior gravidade foi feita pelo deputado Lula Morais (PCdoB), que chegou a dizer que havia candidato a deputado federal que estava utilizando dinheiro do assalto ao Banco Central, em Fortaleza, para financiar a campanha.

Lula Morais foi enfático na afirmação, em aparte ao deputado Fernando Hugo. Ele não disse ter ouvido falar e afirmou que um dos candidatos a deputado federal está comprado votos lavando dinheiro do Banco Central, no que foi advertido por colegas sobre a gravidade da denúncia que fazia.

Ely Aguiar (PSDC), Fernando Hugo (SD), Lula Morais (PCdoB) e o deputado federal Chico Lopes (PCdoB) vão ser notificados, se já não os foram, pelo Ministério Público Eleitoral (MPE), representado pelo procurador regional eleitoral, Rômulo Conrado, que quer apurar as denúncias feitas durante a última sessão ordinária na Assembleia Legislativa, na terça-feira passada. Durante a plenária, os três deputados estaduais reclamaram de compra de votos que está sendo feita em todo o Interior do Estado, motivo da notificação do procurador eleitoral.

Tribuna

O deputado Lula Morais afirmou que ele não chegou a dizer que candidato estava fazendo "lavagem" com dinheiro oriundo do roubo do Banco Central, mas que apenas replicou boatos que estavam sendo feitos nos lugares em que ele visitava. No entanto, durante discussão na Assembleia Legislativa, ele denunciou, sim, que um postulante ao cargo de deputado federal estaria "lavando dinheiro do Banco Central" para comprar votos. Ele chegou a dizer, no aparte ao pronunciamento do deputado Fernando Hugo, que estava à disposição do Ministério Público (MP) para dar mais detalhes do derrame de dinheiro do referido candidato.

No entanto, Morais agora diz que vai conversar com seu advogado e terá cautela para tratar do assunto. "Não pode extrapolar. Mas quando eu chego na rua é o que dizem. As pessoas falam que todo político é ladrão, mas eu não sou. É só você andar na rua que o 'cabra' diz que estão comprando voto ali", afirmou. Segundo disse, não é papel dele, como deputado, na tribuna da Assembleia Legislativa (ele não usou a tribuna, fez a denúncia da sua própria bancada) dizer nome de pessoas supostamente envolvidas no esquema.

"É um assunto sigiloso que deveria permanecer no sigilo. Não é assunto para estar divulgando, mas é para estar sendo motivo para pesquisa sigilosa do Ministério Público. Ele sabe muito bem fazer isso. Isso precisa ser investigado", disse o parlamentar, que ainda afirmou que não terá nenhum problema em tratar do assunto quando a notificação chegar até seu gabinete.

O tema central da discussão na última terça-feira foi a falta de consciência política de eleitores durante o pleito eleitoral, que segundo disse Fernando Hugo, estaria vendendo seus votos para "políticos corruptos". O parlamentar, quando confrontado por Lula Morais, chegou a declarar que uma candidata a deputada do PCdoB estaria "descendo a Serra Grande distribuindo dinheiro".

"Ainda não fui notificado, mas eu informarei a eles que a função do Ministério Público é investigar, e eles podem correr no campo, porque eu não sou Polícia nem promotor de Justiça. Eu não tenho nada com essa frase seríssima que o Lula Morais disse, não tenho nada a ver com isso", apontou.

Dirigente de partido

Já o deputado Ely Aguiar (PSDC) criticou a matéria do Diário do Nordeste e disse que não afirmou que sabia dos boatos de que um candidato a deputado federal estaria "lavando" dinheiro do roubo do Banco Central, mas que fez apenas um questionamento sobre as acusações de Morais.

"A denuncia foi feita pelo Lula Morais, e eu, na hora que ele fez a denúncia, disse que pelo que eu entendi, o deputado Lula Morais está dizendo que é dinheiro do roubo do Banco Central. Eu não denunciei. Eu apenas questionei. Se eu tivesse essas informações, eu não apartearia o colega para dizer isso", afirmou. Ely, naquela ocasião, reforçou a denúncia da compra de votos e disse que até partido era vendido por dirigente.

O parlamentar afirmou que não vai atender a convocação do procurador eleitoral. "Eu não vou pisar nem lá. Ele que mande pegar a fita com as imagens da sessão para ver. Como eu vou ser inquirido por uma informação que não dei? A Polícia Federal passou a vida toda procurando esses caras, como é que eu vou saber quem são?", questionou.

Único deputado federal notificado pelo procurador para prestar esclarecimentos sobre denúncias de compra de votos, Chico Lopes disse que no Interior do Estado está havendo "uma confusão muito grande" no que diz respeito à compra de votos. "Eu não fiz citação nem citei nomes, falei como qualquer pessoa normal faria. Eu acho que o papel do Ministério Público Eleitoral é esse mesmo. Mas eu não acusei ninguém, até porque não tenho provas e não sou 'dedo duro'", afirmou o parlamentar.

Lopes disse ainda que essas denúncias só são feitas porque o momento político é de muita tensão entre os candidatos e ressaltou que o Ministério Público Eleitoral poderia ter aberto uma investigação sem precisar de denúncias feitas por políticos ou ter que convocar os parlamentares para depor a respeito do caso. "Mas eu vou, tranquilamente e calmo. Não tenho relacionamento estreito com o Interior, mas fiquei preocupado com as informações de venda de voto no Interior", afirmou.

AUTOR: DN

POLICIAL CIVIL É DEMITIDO POR AGREDIR ADVOGADA

O titular da Controladoria Geral de Disciplina dos Órgãos de Segurança Pública (CGD), Santiago Amaral, disse que a decisão da demissão foi fundamentada, no que ele considerou uma "grave agressão praticada pelo inspetor FOTO: KIKO SILVA

O vereador de Paramoti, João Batista Félix de Castro, foi expulso da Polícia Civil, onde desempenhava as funções de inspetor, por conta de uma agressão cometida contra a advogada Elisângela dos Santos Silva, que teve o nariz fraturado, depois de ser atingida pela cabeça do policial. A decisão sobre a demissão de João Batista foi publicada no Diário Oficial do Ceará (DOE), da última terça-feira, dia 26.

A advogada teria ido à Delegacia Regional de Canindé, no último dia 10 de janeiro, para providenciar a liberação do caminhão de um cliente dela, que havia sido apreendido. Segundo informou a vítima, mesmo a delegada, Giselle Oliveira Martins, tendo concordado com a liberação do veículo, o inspetor a agrediu tentando impedir que o caminhão fosse levado.

Na época em que o fato aconteceu, a advogada se pronunciou e contou o que teria acontecido. "Quando nos dirigimos até o carro, ele começou a me constranger e ameaçar o meu cliente. Retornei à Delegacia, chamei à delegada e mostrei o que estava acontecendo. Retornei ao local onde estava ocorrendo à discussão, o inspetor cruzou os braços, veio em minha direção e me deu uma 'cabeçada'. Voltei, pedi ajuda na Delegacia e fui socorrida pela delegada", conta.

O ex-inspetor de Polícia, já é citado como réu, em uma ação penal, pelo crimes de abuso de autoridade; e em três ações por crimes contra honra, por sequestro, cárcere privado e concussão. O texto da Diário Oficial considera, com base na vida pregressa do ex-policial, que "o mesmo não procede, na vida pública ou particular, de modo a dignificar a função policial, por existir em seu desfavor diversos processos criminais".

O titular da Controladoria Geral de Disciplina dos Órgãos de Segurança Pública e Sistema Penitenciário do Ceará (CGD), Santiago Amaral, disse que a decisão da demissão foi fundamentada, no que ele considerou uma "grave agressão praticada pelo inspetor de Polícia Civil contra a advogada". No entanto, o controlador lembra que os outros crimes atribuídos a João Batista pesaram na decisão pela demissão.

"A demissão não foi baseada somente nisto. O inspetor já responde a inúmeras ações penais por motivos igualmente graves", declarou Amaral. João Batista ainda poderá recorrer da decisão, no Conselho de Disciplina e Correição dos Órgãos de Segurança Pública e Sistema Penitenciário, que é um órgão colegiado que tem poder de revisar as decisões do controlado.

Sem resposta

A reportagem tentou contato com João Batista Félix de Castro, entretanto, o celular do inspetor estava desligado.

À época, o policial civil negou a intenção de agredir Elisângela dos Santos Silva, afirmando que a cabeçada na advogada teria sido um 'acidente'. "Quando eu fui entrando, subindo os degraus da delegacia, avançaram em cima de minha pessoa; quando eu me virei, aconteceu realmente o fato".

Em nota, a OAB manifestou "total solidariedade" à Elizângela pela agressão física e exigiu punição ao inspetor.

AUTOR: DN

SUSPEITO DE 7 ESTUPROS É PRESO EM FORTALEZA (CE)

IMAGEM G1/CE

Sete vítimas estiveram, na manhã de ontem, no 5ºDP (Parangaba) para fazer o reconhecimento do homem que teria praticado uma série de estupros nos bairros que compõem a Área Integrada de Segurança (AIS) 5. 

Conforme a Polícia, o borracheiro Antônio Cláudio Barbosa de Castro, 30, é morador do bairro Mondubim, mas procurava as mulheres que atacava, longe de sua residência, para não levantar suspeitas.

De acordo com o delegado titular da unidade, Renê Andrade, as investigações que apontam Castro como suspeito dos crimes, começou depois que uma grande quantidade de estupros foi denunciada. "Foram vários casos seguidos, em uma área pequena. 

As vítimas sempre contavam a mesma história e percebemos que o homem, que pilotava uma moto, modelo Fan, de cor preta, e usava uma faca para ameaçá-las, era o mesmo".

Segundo Renê Andrade, os trabalhos prosseguiram e os policiais conseguiram chegar à identidade do borracheiro. O delegado representou pela prisão preventiva dele e conseguiu prendê-lo temporariamente, na última sexta-feira (22). 

"Nosso esforço agora é em robustecer os inquéritos com a maior quantidade de provas possível e encaminhá-los à Justiça, pedindo que a prisão do Cláudio seja convertida em preventiva", afirmou o delegado titular do 5º DP.

Criança

Dentre as sete vítimas que reconheceram Cláudio Castro, está um criança de 11 anos e duas adolescentes, de 15 e 16 anos. As outras vítimas têm entre 25 e 33 anos. Os casos investigados aconteceram nos bairro Parangaba, Maraponga e Vila Pery, entre os dias sete de abril e 17 de julho deste ano.

"Todas elas reconheceram o suspeito com muita segurança. Elas contam detalhadamente o que ocorreu. O estupro é um crime de juízo traumático e com altíssima reprovação social. Acreditamos que outras mulheres possam ter sido vítimas e não tenham denunciado, ainda, por vergonha", disse o delegado.

A menina de 11 anos contou em seu depoimento, que ia para o reforço escolar quando foi atacada pelo agressor. Ela cita duas mulheres que flagraram a ação e tentaram lhe ajudar. A estudante disse ainda que, em certo momento, conseguiu tomar a faca do agressor e tentou esfaqueá-lo, mas ele se defendeu usando um capacete.

As duas adolescentes vitimadas estariam juntas, quando Cláudio Castro teria investido contra elas. "São depoimentos conscientes, muito difíceis de serem rebatidos. Mesmo percebendo que elas sofrem ao relatar o que aconteceu, são muito coerentes", afirmou o delegado Renê Andrade.

O suspeito nega todas as acusações e disse que o irmão dele é que tinha comportamentos estranhos e deveria ser a pessoa procurada. O homem apontado por ele como culpado foi chamado a comparecer na Delegacia. No entanto, ele não foi reconhecido por nenhuma das vítimas.

Após prestar depoimento, o suspeito foi levado para a Delegacia de Capturas e Polinter (Decap), no Centro de Fortaleza. A transferência ocorreu para evitar agressões ao suspeito por parte de outros presos.

AUTOR: DN

CEARENSES SÃO CAPTURADOS POR TRÁFICO INTERESTADUAL DE DROGAS

Janilson Ramalho Mourão [à esquerda] e Carlos José Sousa Ferreira foram presos no interior do Ceará (Foto: Divulgação/ Denarc-CE)

Dois cearenses foram presos acusados de integrar uma quadrilha interestadual de tráfico de drogas. Janilson Ramalho Mourão, 49, é suspeito de contrabandear lança-perfumes da cidade de Foz do Iguaçú, no Paraná, e repassar para Carlos José Sousa Ferreira,44, que distribuía o material no Ceará.

A operação desencadeada pela Polícia Civil do Paraná contou com o apoio da Delegacia de Narcóticos (Denarc) do Ceará e resultou na prisão dos suspeitos, na manhã de ontem, por meio de mandados de prisão expedidos pela Justiça paranaense. Janilson Ramalho foi preso no Centro de Iguatu, distante 384 quilômetros da Capital, enquanto seu comparsa Carlos José foi detido na Rua Paulo Tavares da Cruz, no bairro Vila Paulo, em Aurora, a 460 quilômetros da Capital.

Conforme a Polícia, além dos dois cearenses, outros 45 suspeitos foram presos no Paraná, Bahia e Santa Catarina. A droga vinha do Paraguai e ficava concentrada em Foz do Iguaçú, de onde era distribuída para os membros da quadrilha. As investigações da Polícia do Paraná duraram cerca de um ano.

AUTOR: DN

GRUPO EXPLODE BANCO E 'METRALHA' DESTACAMENTO

Equipes da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) e do Comando Tático Rural (Cotar) continuam à procura do bando formado por cerca de oito homens que invadiu a cidade de Alto Santo (241Km de Fortaleza), na madrugada de ontem, e atacou a agência do Bradesco e o destacamento da Polícia Militar local. Conforme a Polícia, a quadrilha se dividiu em duas partes, e investiu contra os dois prédios ao mesmo tempo.

Há sete meses, as agências do Banco do Brasil e do Bradesco de Alto Santo foram explodidas. Este foi o 45º ataque a banco do Ceará, somente neste ano

De acordo com a Polícia, enquanto as explosões aconteciam, dentro da agência bancária, uma parte dos criminosos metralhava a fachada do prédio policial, onde os PMs destacados na cidade ficam, para intimidá-los. "Foram muitos tiros. Pelo estrago feito na fachada deu para perceber que não havia como sair. 

Seria um atentado contra a própria vida", declarou um policial militar que está atuando como reforço na cidade e não quis se identificar.

Segundo ele, dois caixas foram violados pelos explosivos, mas somente um deles tinha dinheiro. "Ainda não foi informado à Polícia quanto foi levado, mas acreditamos que não tenha sido uma quantia muito alta", contou o PM.

Populares informaram que os assaltantes escaparam em um Volkswagen, modelo CrossFox, placas não anotadas, e em uma motocicleta. O carro foi encontrado incendiado, no quilômetro 6 da CE-138.

O titular da DRF, delegado Raphael Vilarinho, informou que as diligências à procura do bando têm sido ininterruptas e que os resultados devem aparecer, em breve. "Os autores certamente serão presos, como todos os outros grandes assaltantes de banco do Ceará estão sendo", afirmou Vilarinho.

Prisões

Na manhã de ontem, o titular da DRF deu detalhes sobre a prisão de três suspeitos de integrar uma quadrilha suspeita de ataques a agências bancárias no Ceará. O trio foi capturado na última quarta-feira (27), em Horizonte, quando preparava a fuga para o Estado de Pernambuco. As investigações que culminaram na desarticulação da quadrilha foram efetivadas pelas equipes da DRF, Delegacia Regional de Sobral e Coordenadoria de Inteligência (Coin), da Secretaria da Segurança Pública. 

Entre os presos está, segundo a Polícia, um dos criminosos mais perigosos e procurados do Estado, identificado como Francisco Lopes Justino, o 'Chico Justino', 31. Ele é irmão de um dos maiores assaltantes de banco daqui, o 'Gilson Meia-Luz'. Além dele, foram presos Daniel Bondis Lopes França, 24, e Antônio Jairo Leite, 25.

AUTOR: DN

PMCE REALIZA PROMOÇÕES DE 44 OFICIAIS E 675 PRAÇAS; E OUTRAS NOTÍCIAS POLICIAIS

FOTO: FERNANDA SIEBRA

Cerimônia
Promoções de oficiais e praças

A Polícia Militar do Estado do Ceará (PMCE) realizou ontem, no Quartel do Comando Geral, cerimônia para as promoções de 44 oficiais e 675 praças pertencentes às fileiras de Fortaleza e Região Metropolitana. Foram promovidos 41 sargentos a subtenentes, 306 cabos a sargentos e 328 soldados a cabos

Maracanaú
Mulher e filha detidas por matar parente

Uma mulher foi presa e sua filha de 15 anos apreendida, suspeitas de terem matado a golpes de faca um homem, que era companheiro da acusada, em Maracanaú, na Região Metropolitana de Fortaleza. De acordo com informações do Comando de Policiamento da Capital (CPC), mãe e filha viviam com a vítima e teriam cometido o crime após uma discussão. Uma terceira pessoa também é investigada.

Quixadá
'Mula de cadeia' é interceptada

Um homem de 19 anos foi capturado em Quixadá, na região do Sertão Central, momentos antes de arremessar dentro da Cadeia Pública da cidade um pacote contendo drogas e aparelhos celulares. Segundo a Polícia, que chama este tipo de criminoso como 'Mula de cadeia', o homem entrou em uma escola, localizada ao lado da unidade, para tentar jogar o pacote aos presos por cima do muro.

AUTOR: DN

BANDIDO É PRESO DURANTE ASSALTO A ÔNIBUS

FOTO: VCREPÓRTER/WHATSAPP

Um homem não identificado, acusado de assaltar um ônibus da linha Circular 01 que trafegava pela Avenida Pontes Viera, foi preso por um policial civil após tentar fuga do local do assalto.

De acordo com relatos dos passageiros, o acusado teria roubado o cobrador da linha com uma faca.

Após o assalto, o motorista abriu as portas do veículo, os usuário do transporte correram em fuga pela via.

O homem tentou fugir pela Avenida Aguanambi, sendo seguido pelo motorista do ônibus. Um policial civil que passava pelo local percebeu a ação, e conseguiu capturar e algemar o acusado.

O PM acionou uma viatura do ronda do quarteirão do bairro, prendendo o indivíduo.

AUTOR: DN

MARIDO É PRESO SUSPEITO POR MORTE DE ENGENHEIRA, NO ACRE

Engenheira foi encontrada morta dentro de caixa d'água (Foto: Reprodução/Facebook)

A Polícia Civil prendeu, nesta quinta-feira (28), Geani Justo Freitas, marido da professora e engenheira civil Silvia Raquel de Freitas, de 39 anos, encontrada morta dentro de uma caixa d'água na própria casa, no dia 19 de agosto. 

Segundo a delegada Juliana De Angelis, que investiga o caso, a investigação reuniu indícios suficientes para que o pedido de prisão pudesse ser feito.

"Até o atual momento da investigação, os indícios levam a ele como principal suspeito, mas as investigações não acabaram e vão prosseguir até o final do prazo, dia 26 de agosto", disse.

De acordo com a delegada, mais informações sobre o caso só poderão ser dadas após a conclusão do inquérito.

Entenda o caso
Silvia era servidora pública do Instituto de Meio Ambiente do Acre (Imac) e professora na Faculdade da Amazônia Ocidental (FAAO) e foi encontrada morta dentro da caixa d'água de casa. Segundo amigos e vizinhos da vítima, ela estava desaparecida desde a noite de 18 deste mês. 

O corpo teria sido encontrado por Freitas, que pediu socorro e foi ajudado por um vizinho a retirar Silvia da caixa.

Em entrevista ao G1, no dia 20 de agosto, o marido da engenheira negou que a esposa estivesse desaparecida na noite anterior ao crime, mas não soube dizer exatamente que horas ela poderia ter morrido. Ele contou ainda que teria acordado cedo no dia seguinte para ir trabalhar e só percebido a ausência da esposa ao retornar para casa, após o almoço. 

O marido disse não saber o que aconteceu com a esposa, mas frisou que o laudo da morte indica afogamento e não havia marcas de espancamento.

AUTOR: G1/AC

PESQUISAR NO TIANGUÁ AGORA!




RESULTADOS DA PESQUISA GOOGLE!




Real Time Analytics